21.5 C
Brasília
Saturday, July 13, 2024

Como ser gentil quando você está chateado com seu parceiro


Uma das coisas mais difíceis de fazer em um relacionamento é ser authorized com seu parceiro quando você está chateado com ele. É também um dos momentos mais importantes para ser gentil. A pesquisa do Dr. Gottman mostra que casais que começam discussões gentilmente têm mais probabilidade de administrar o conflito de forma eficaz, sem prejudicar o relacionamento. Na verdade, é nesses momentos que o Dr. Gottman pode prever o sucesso ou o fracasso do relacionamento com mais de 90% de precisão.

Em um well-liked Revista Atlantic entrevista, a Dra. Julie Gottman explica que, “Gentileza não significa que não expressamos nossa raiva, mas a gentileza informa como escolhemos expressar a raiva. Você pode atirar lanças em seu parceiro. Ou você pode explicar por que está magoado e com raiva, e esse é o caminho mais gentil.”

O Voto da Bondade

A gentileza não é importante apenas no calor de uma discussão; ela diz respeito ao seu comportamento consciente e atencioso durante todo o relacionamento.

Quando entramos em um relacionamento comprometido, a maioria de nós faz algum tipo de declaração – uma promessa ou voto – de que apoiaremos nosso parceiro e cuidaremos dele. Também fazemos uma promessa secundária: de que seremos a melhor versão de nós mesmos, cheios de integridade e esperança por um futuro bem-sucedido.

O ato de não escolher a gentileza é, portanto, duplamente prejudicial – para nossos parceiros e para nós mesmos – porque prejudica nossos esforços de crescimento e o potencial para maior intimidade.

Um relacionamento é o esforço conjunto de duas pessoas que trabalham com atenção e entusiasmo em direção a um visão compartilhada. Apesar das dificuldades da vida diária, os parceiros são responsáveis ​​por seu próprio comportamento. Enquanto um casal cresce junto, eles não são impedidos de crescer como indivíduos também – na verdade, eles devem evoluir como indivíduos para continuamente trazerem seus “melhores eus” para seu parceiro.

Gentileza gera gentileza

Como você pode cultivar um hábito de gentileza em seu relacionamento? Abaixo estão 3 dicas poderosas que você pode colocar em ação agora mesmo, independentemente de onde seu parceiro esteja em sua jornada:

1. Pense em coisas boas
Nós somos com fio sentir como pensamos repetidamente. Pensar pensamentos positivos sobre seu parceiro tornará mais fácil para você pensar pensamentos mais positivos, e falar e se comportar positivamente em relação a ele. Para adquirir o hábito de ser gentil, você deve praticar os pensamentos, assim como as ações.

Lembre-se das coisas boas que seu parceiro fez todos os dias. Por exemplo, ele levou o lixo reciclável para fora ou voltou para casa mais cedo uma noite para jantar? Por menor que seja a ação, crie o hábito de perceber a gentileza enquanto ela acontece e faça uma nota psychological de quão feliz isso o faz se sentir. Quando você vir seu parceiro, mencione isso a ele. Perceber as coisas boas sobre seu parceiro ajuda a mantê-lo no que o Dr. John Gottman chama de Perspectiva Positiva ou Optimistic Sentiment Override. É uma sensação de bem-estar esperançoso que surge de pensamentos positivos e interações positivas.

2. Aceite a responsabilidade
Assuma a responsabilidade de avaliar seus próprios sentimentos antes de apresentá-los ao seu parceiro. Enquanto raiva e frustração são emoções legítimas, uma exploração mais aprofundada pode revelar que, de fato, você se sente incomodado ou triste com uma situação. Talvez, ao refletir, você descubra que, de fato, se sentiu abandonado ou que seus sonhos não estão sendo reconhecidos. Ser capaz de identificar com precisão seus sentimentos ajudará você a transmiti-los em um tom mais gentil e amável ao seu parceiro.

Você pode pensar que é mais autêntico dizer exatamente o que está em sua mente sem filtrar nada para seu parceiro, mas considere que, uma vez que ele esteja ferido, é mais difícil para ele se conectar com você empaticamente. Reserve um momento para processar seus sentimentos com um terapeuta ou sozinho. Tente manter um diário ou registro do seu dia e de como você estava se sentindo. Processar seus sentimentos por meio da escrita geralmente ajuda a classificar e organizar os pensamentos.

3. Deixe a esperança vencer
Tenha fé no relacionamento e no seu comprometimento. Mesmo que você tenha que argumentos em andamento com seu parceiro, concentre-se na amizade. Vejo casais no meu escritório que querem “resolver” seus problemas antes de sair para tomar um sorvete ou relaxar durante o jantar. Não é possível resolver problemas com alguém com quem você não quer colaborar.

Muitas vezes, incentivo casais a fazerem uma atividade juntos para aproveitar o amor – apesar das queixas! É muito mais fácil discutir problemas com seu melhor amigo do que com seu “inimigo”. Pode ser preciso esforço para instituir uma noite de encontro, mas estar próximo e conectado é um hábito, e hábitos precisam ser praticados consciente e regularmente. Tente sair do seu caminho para ser amigável com seu parceiro.

Por exemplo, coloque leite no cereal deles pela manhã, ou ofereça-se para passear com o cachorro. Procure um filme que eles estão querendo assistir, ou até mesmo envie uma mensagem de texto para eles hoje (não sobre recados ou agendamentos) sobre algo que você está ansioso para fazer com eles mais tarde.

A gentileza permite que você seja ouvido

Em última análise, a gentileza serve à sua expressão de emoções difíceis, oferecendo ao seu parceiro a capacidade de realmente ouvi-lo. Mesmo se você estiver com raiva, para abordar seu parceiro efetivamente, você deve ser gentil. Se você abriu caminho para que seu parceiro se abra para você, é mais provável que ele ouça sua frustração e responda com compaixão. A gentileza atende às suas necessidades.

Ser gentil e gentil é uma decisão. Assim como oferecemos um sorriso e seguramos a porta aberta para um estranho, devemos lembrar de cultivar esse hábito em nosso relacionamento, não importa quantos meses ou anos tenham se passado.

Quanto mais tentamos, mais fácil fica evocar uma imagem positiva do nosso amado. Quanto mais praticamos a gentileza, mais fácil é lembrar que nosso parceiro também é um ser humano que está vivenciando a vida ao nosso lado. Fica mais fácil oferecer um sorriso e estender um ramo de oliveira à pessoa que está na luta conosco – não contra nós.


Se você estiver interessado em mais ferramentas baseadas em pesquisas para ajudá-lo a gerenciar conflitos e resolver seus problemas solucionáveis, inscreva-se abaixo e receba sua cópia gratuita do guia well-liked, 7 sinais de que seu relacionamento vai durar.

Related Articles

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Latest Articles